Como estimular a criatividade em crianças introspectivas

intro-2.jpg

A introspecção é geralmente confundida com timidez, mas, na verdade, os dois termos são bem diferentes.

Enquanto na timidez a criança apresenta um certo bloqueio (medo) perante uma determinada situação, a introspecção faz parte da sua personalidade. Ou seja, trata-se de uma característica psicológica – e não uma doença ou algo que deva ser motivo de preocupação.

Uma criança introspectiva se mostra mais contida emocionalmente e adora brincar sozinha, construindo um mundo particular de alegria e criatividade. No entanto, isso tem sido motivo de preocupação por parte de certos pais, que por terem personalidade diferente, acreditam que há algo de errado com seus pequenos.

Portanto, sabendo que esse é um fator da personalidade de um indivíduo, no post de hoje separamos algumas dicas para você ajudar a estimular a criatividade em crianças introspectivas – e constatar que elas também são psicologicamente saudáveis.

1. Leve seu filho a lugares diferentes

Estimular a criatividade em crianças introspectivas não significa que elas passarão o tempo inteiro em suas casas não querendo se socializar com ninguém. Elas vão adorar passeios a locais que estimulam a criatividade e a imaginação.

Quer exemplos? Museus, cidades diferentes, lugares que marcaram a sua infância e que apresentam belas recordações, aquários, parquinhos…Novos ambientes, pessoas e mundos são ricos em estímulos e certamente expandem a criatividade das crianças.

2. Incentive a criança introspectiva a aprender a tocar um instrumento musical

A música é uma excelente forma de aprender a como estimular a criatividade em crianças introspectivas e por vários motivos:

  • ela aprende a ser disciplinada;
  • ela aprende a ter paciência;
  • ela aprende a ter autoconfiança;
  • ajuda na construção de relacionamentos e elas apresentam um melhor desempenho na vida em sociedade.

Mas é importante você não forçar a criança a aprender determinado instrumento somente porque você gosta mais. É importante deixá-la livre para fazer a escolha dela – e caso ela comece a aprender e queira parar, tudo bem.

3. Crie um ambiente que ajude a estimular a criatividade em crianças introspectivas

Seja você e sua família moradores de casa ou apartamento, ter aquele cantinho especial para uso dos pequenos certamente é uma ótima ideia para estimular a criatividade em crianças introspectivas.

Livros, brinquedos, jogos, música e todos os elementos que motivem as crianças introspectivas de forma lúdica possibilita a fluidez das ideias. Afinal de contas, mesmo que o pequeno ainda não saiba ler, ele não deixa de aprender com os livros, pois apenas com as figuras ou ouvindo a leitura dos pais eles já são capazes de ampliar a imaginação e o vocabulário.

 4. Pintura e desenho

O desenho livre e a pintura também são ótimas ferramentas e ensinam como estimular a criatividade em crianças introspectivas.

Então, deixe um pouco de lado os livros de colorir (que também são ótimos passatempos), pegue folhas, cartolina, canetinhas, lápis de cor, aquarela e brinque junto com os pequenos. Também vale a pena chamar um coleguinha da criança para que eles brinquem juntos.

Não se esqueça: uma criança com personalidade introspectiva não quer dizer que ela tenha algum problema apenas por não gostar de interagir com muitas crianças. É preciso conhecer a fundo os filhos e aceitar o jeito deles, entendendo seus temperamentos e estimulando suas qualidades.

E se você notar introspecção em excesso, não deixe de conversar com um psicopedagogo ou psicólogo para maiores orientações sobre como se deve agir. O importante é que as crianças, independentemente de suas personalidades, estejam desenvolvendo suas habilidades físicas, psicológicas e sociais da melhor maneira possível.

Separamos outras dicas bem importantes para te ajudar a encontrar mais tempo para brincar com os seus filhos. Clique aqui, leia atentamente e até a próxima!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo