Os 4 Tipos de superfície mais comuns para playgrounds e parques infantis

Screen-Shot-2017-12-15-at-8.25.59-AM.png

Não é à toa ou apenas para servir de enfeite que existem tipos de superfície diferente em playgrounds e parques infantis. Todo brinquedo que oferece um risco de queda livre acima de 60 centímetros de altura deve ter sob ele uma superfície que amorteça impactos.

Além disso, a superfície também deve possuir outras características de proteção, como baixa demanda de manutenção, durabilidade, praticidade na hora da higienização e que não seja de material tóxico.

Isso é o que recomenda a norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Por isso, é muito importante que esses pisos e superfícies especiais sejam adquiridos por empresas sérias e devidamente certificadas, pois isso assegura que vários testes tenham sido feitos para garantir a segurança das crianças. Aliás, sempre que eles forem adquiridos, guarde consigo uma cópia da certificação.

Portanto, confira a seguir os 4 tipos de superfícies mais comuns para playgrounds e parques infantis:

1. Grama natural

grama natural

A grama natural apresenta uma ótima absorção de impacto para quedas. Porém, para que ela continue assim, é preciso que ela seja reparada sempre que houver desgaste. Por isso, é um tipo de superfície que demanda uma constante manutenção e sistema de drenagem.

2. Grama sintética

grama sintética

No mercado estão disponíveis várias versões de grama sintética, que podem variar de 12 mm a 20 mm de espessura. Por isso, é muito importante levar em consideração a espessura dessa camada amortecedora para que realmente seja eficiente e garanta a segurança dos pequenos.

3. Piso emborrachado

piso de borracha

O piso emborrachado é um tipo de superfície muito utilizado em parques infantis e playgrounds, principalmente quando eles estão em áreas internas.

Ele tem boas propriedades que protegem as crianças, pois são antiderrapantes, de fácil manutenção, resistentes à abrasão e boa estabilidade química dos materiais. E quando se adquire o piso de borracha prensada à alta temperatura, geralmente ele tem uma vida útil de 10 anos.

4. Material solto

lasca de madeira

Existem vários materiais soltos que podem compor uma superfície de playgrounds e parquinhos: areia, lasca de madeira ou borracha granulada desagregada.

Eles demandam manutenção constante, pois seus elementos se espalham facilmente e precisam ser repostos para que a superfície se mantenha nivelada.

Se o piso for de lasca de madeira ou de borracha granulada, é preciso ter o cuidado para que as crianças não ingiram esses materiais inadvertidamente.

Já no caso da superfície de areia, recomenda-se que ela tenha no mínimo 30 centímetros de profundidade para amortecer o impacto. E a manutenção deve ser redobrada para manter a areia esterilizada e longe de animais que utilizam o local como sanitário.

E como dissemos na introdução do post, não custa relembrar: sempre adquira superfícies e pisos para playgrounds e parques infantis de empresas certificadas. Afinal de contas, é a saúde e a segurança das crianças, além da durabilidade dos brinquedos, que estão em jogo.

Se você ficou com alguma dúvida sobre qual é o melhor tipo de superfície ideal para colocar em seu playground ou parque infantil, clique aqui e fale agora mesmo com a equipe da Aquarela Parques. Até a próxima!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo