5 dicas para fazer um planejamento financeiro para o seu condomínio

5-dicas-para-fazer-um-planejamento-financeiro-para-o-seu-condominio.jpeg

Um planejamento financeiro é indispensável para manter o condomínio em ordem a fim de proporcionar um lazer adequado às crianças e, consequentemente, tranquilidade aos pais. Principalmente quando a verba do prédio é pequena.

Por isso, preparamos 5 dicas que podem ajudá-lo a fazer um planejamento financeiro eficaz. Dessa forma, será possível providenciar uma excelente área de lazer para o seu condomínio sem cair na inadimplência e sem causar desavenças com os vizinhos.

Acompanhe nossas dicas e veja como fazer um bom planejamento para 2017!

1. Saiba estimar e separar custos fixos de variáveis

Avaliar seus gastos para manter tudo muito bem organizado é essencial para um bom planejamento financeiro. É necessário estimar e separar os gastos fixos dos gastos variáveis para obter mais controle sobre as despesas. Dessa forma será possível administrar o dinheiro a fim de fazer reservas para investimentos e emergências.

2. Faça uma reserva para investimentos e emergências

Evite manter o orçamento no limite. Faça uma reserva financeira para futuros investimentos, como por exemplo; adquirir um playground novo para o condomínio. Porém, não deixe de guardar um valor para alguma emergência que venha a gerar gastos.

Contudo, com uma boa organização dos custos e uma reserva financeira bem estruturada, informe aos vizinhos sobre as contas e comece a integrá-los para gerar uma boa convivência a fim de mostrar a eles que um playground novo trará benefícios ao prédio. Veja mais!

3. Faça um planejamento financeiro voltado para o lazer

É muito importante dar atenção especial ao lazer do condomínio, pois esse detalhe vai promover a segurança para as crianças e elas, por sua vez, não vão sentir necessidade de sair do prédio para brincar.

Além disso, uma área de lazer apropriada vai proporcionar maior interação entre seus filhos e os filhos de outros condôminos e dar tranquilidade aos pais das crianças.

Por isso, ao fazer o fundo de reservas em seu planejamento financeiro, faça-o pensando na aquisição de um playground onde as crianças vão poder interagir e se divertir sem correr riscos.

Porém, para que tudo corra bem nas finanças a ponto de permitir esse fundo de reservas, é preciso que as contas estejam em dia.

4. Reduza o índice de inadimplências

É necessário que as contas dos moradores estejam em dia para que o condomínio também esteja com suas finanças organizadas. Então, monte uma rotina de cobranças para reduzir o índice de inadimplências e entrar o ano de 2017 com as contas no azul.

Porém, evite transtornos. Faça de uma forma que os vizinhos compreendam a importância em manter as contas em dia e os benefícios que isso pode trazer ao condomínio. Para isso é importante manter uma boa convivência a fim de que todos interajam e entendam que alguns investimento são necessários, mesmo que esporadicamente.

5. Saiba como economizar no lazer

Crianças não entendem de economia, só querem brincar. Por isso é indispensável um playground onde elas tenham um lazer de qualidade. Porém, adultos entendem e podem economizar no lazer utilizando melhor as áreas comuns do prédio através de atividades simples como um club do livro, um grupo de caminhada ou mesmo um encontro culinário.

Dessa forma, é possível economizar no lazer e ainda facilitar a convivência entre os vizinhos. Porém, algumas pessoas são difíceis de conviver, por isso, veja outras dicas para lidar com alguns tipos de vizinhos.

Agora que você já sabe como fazer um planejamento financeiro, sabe o que fazer para garantir que as crianças tenham um lazer de qualidade e como proporcionar a boa convivência entre os vizinhos, só lhe resta saber que para ter sucesso no planejamento é necessário fazer um bom fluxo de caixa na gestão do condomínio!

 cta-meio-de-post-gestao-cond

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo